Friday, October 14, 2011

Eisbein...ou simplesmente Joelho de Porco

 
   

  Este prato é em homenagem a minha amiga Rose Pedersoli-Fuhrmann, que apesar do nome, é brasileira e carioca; mas está morando na Alemanha faz mais de 30 anos.
   Essa receita lembrou-me da primeira vez que comi esse prato. Foi lá no Bar Luiz, na Rua da Carioca, no Rio de Janeiro; e achei um espetáculo. A princípio fiquei receoso de não gostar, uma vez que eu não conhecia nada além do pernil, que pudesse ser assado e fosse tão ou mais saboroso que ele.
   O garçom me disse que era um dos pratos mais pedido pelos clientes e que eu não iria me arrepender. Dito e feito. Comi. Gostei. Aprovei...e aqui estou, trazendo essa receita, esperando que vocês também gostem.
   A maneira de fazer é bem parecida com a do pernil. A única diferença é que você pode escolher entre o eisben cru ou defumado. Fica a seu critério. Mas posso dizer que apesar do eisbein defumado ser mais caro, o sabor é bem mais interessante.
  Os acompanhamentos diferem de região para região do país, sendo que originariamente esse prato é acompanhado por chucrute (Sauerkraut, em alemão), que é uma conserva de repolho fermentado,com condimentos, encontrado comumente nos supermercados da região sul do Brasil. Mas você pode acompanhá-lo de batatas sauté, legumes ou simplesmente puro. Uma dica: se você fizer um purê de mandioquinha, fica muito bom também.

Ingredientes

1 peça de eisbein defumado (joelho de porco)
500g de bata inglesa
500g de chucrute (opcional)
1 talo de salsão cortado em rodelas bem finas
1 cebola branca grande, cortada em pedaços grandes
1 colher de sopa de alho em pasta
1 lata de cerveja preta (que não seja muito doce)
1 colher de noz-moscada
3 colheres de sopa de azeite-extravirgem
sal (prefiro grosso, mas não muito - use moderadamente)
2 ramos de alecrim para decorar

Modo de fazer

Em uma tigela, junte o sal, a noz moscada, a cebola, o alho, o azeite e o salsão, formando uma mistura homogênea. Faça alguns cortes na pele do eisbein e passe esses ingredientes em toda sua superfície.

Em um saco plástico transparente (desses de cozinha), coloque o eisbein. Despeje a cerveja e o que sobrou dos ingredientes. Feche bem a boca do do saco e misture bem. Deixe em repouso de um dia para outro, na geladeira. Mexa de vez em quando para que o caldo pegue em toda a parte.

Após esse período, retire o eisbein do saco e coloque-o em uma forma refratária. Despeje um pouco do caldo sobre ele, cubra-o com papel alumínio e leve ao forno em fogo médio, por cerca de duas horas.

Verifique se o eisbein já está assado. Retire o papel alumínio, regue um pouco mais com o caldo e deixe dourar. Melhor se puder usar o grill do forno, mas sem deixar o caldo secar.

Para fazer as batas sauté, cozinhe-as primeiro, tomando o cuidado para que não fiquem moles demais. Frite-as em seguida e reserve.

Em uma travessa, cubra o fundo com o chucrute. Coloque o eisbein sobre ele. Decore com as batatas e os raminhos de alecrim. Sirva imediatamente....e bom apetite!

4 comments:

  1. Eu adoro esse prato! Aliás, adoro a culinária alemã. Todo ano vou a Oktoberfest de Blumenau e como isso lá, uma delícia! :)
    Beijos e bom final de semana!

    ReplyDelete
  2. Looks a bit like short ribs...which I love. I also love sauerkraut, so I'm going to have to give this a try! Thanks for sharing the recipe!

    ReplyDelete
  3. Thanks Margaret!

    I hope you come back more time...

    Kisses.

    Luiz

    ReplyDelete
  4. nice idea...thanks for sharing....

    ReplyDelete